Um acidente aéreo que matou duas pessoas em maio do ano passado perto de Denver, Estado do Colorado, EUA, pode ter sido causado pela distração do piloto quando se fotografava em pelo voo.

Segundo a CNN, os investigadores que analisaram os destroços do acidente encontraram uma câmara de filmar (GoPro) com vários vídeos no cartão de memória, onde se vê o piloto com vários clientes diferentes, filmados de dia e de noite, e a tirar fotografias a si próprio (selfies) com o telemóvel.

«O flash da câmara estava ligado e iluminava a área do cockpit», lê-se no relatório, agora divulgado.

Apesar de existirem várias gravações recentes, o acidente fatal não ficou registado.

Os investigadores garantem que o piloto estava sentado no seu lugar quando a avioneta parou subitamente e caiu num campo de cultivo, e que o uso do telemóvel pode explicar o acidente, já que o aparelho não teria qualquer problema.

O piloto de 29 anos tinha um um total de  726 horas de experiência, 27 à noite, altura em que ocorreu o acidente. Não existem registos, no entanto, que estivesse treinado para lidar com uma paragem súbita, ou que fosse qualificado para transportar passageiros.