Os rebeldes Shebab da Somália, ligados à Al-Qaida, nomearam Ahmad Umar para suceder ao ex-líder do grupo, morto na segunda-feira durante um ataque aéreo norte-americano, indicou este sábado o grupo de monitorização do terrorismo SITE.

Num comunicado publicado em fóruns rebeldes na internet, o grupo anunciou a nomeação de Ahmad Umar para substituir Ahmed Abdi Godane e renovou o seu vínculo à Al-Qaeda, revelou o SITE.

Os rebeldes Shebab tinham confirmado este sábado a morte do seu líder, Ahmed Abdi Godane, durante um ataque aéreo dos EUA.