Um norte-americano morreu 23 dias depois de ter ganho um milhão de dólares numa raspadinha, em Nova Iorque, nos EUA. Donald Savastano, de 52 anos, decidiu iniciar o ano a comprar uma raspadinha "Merry Millionaire" (Milionário Feliz), e o resultado não podia ser melhor: levou para casa um milhão de dólares, cerca de 800 mil euros. 

Carpinteiro de profissão, e a trabalhar por conta própria, Donald tinha já feito planos para o dinheiro: comprar um carrinha nova, ir de férias, mas também ir ao médico, uma vez que não tinha acesso a quaisquer cuidados de saúde por não ganhar o suficiente. 

"Isto vai mudar a minha vida", disse o norte-americano assim que recebeu o prémio,.

Depois de realizar alguns exames médicos, o recém-milionário descobriu que tinha um cancro no cérebro e nos pulmões já em fase terminal. Donald Savastano acabria por morrer dias depois. 

Um amigo dele veio à loja e contou-me que Donald estava bastante doente, que tinha cancro no cérebro e nos pulmões. Estava no hospital e não iria sobreviver", contou Danielle Scott, a empregada no estabelecimento onde Donald comprou a raspadinha. 

No obituário, disponível online, lê-se que Donald "era conhecido pela grande qualidade e perfeccionismo" do seu trabalho.