“É possível que as pessoas que consomem mais chocolate tenham outros comportamentos que sejam benéficos para a saúde cardiovascular”, reconhecem.











“Isto pode indicar que também os outros componentes, relacionados possivelmente com componentes do leite, como o cálcio, podem proporcionar uma explicação para a associação observada”, consideraram os investigadores.