Confrontos entre adeptos do Atlético de Bilbau e do Spartak de Moscovo, que se defrontaram para a Liga Europa, causaram a morte a um polícia da Brigada Móvel, a unidade antidistúrbios da polícia basca.

Segundo relata o jornal El País, o agente terá sofrido um enfarte, quando atuava na rua, de forma a conter os tumultos. Entrou em paragem cardiorespiratória e morreu no Hospital Basurto, perto do local dos incidentes, na cidade espanhola de Bilbau.

A imprensa espanhola dá conta de violentos confrontos entre adeptos do Atlético de Bilbau e cerca de 800 russos, que viajaram de Moscovo para a segunda mão do jogo, no estádio de San Mamés.

Cinco pessoas foram detidas, três delas adeptos radicais do clube russo, na sequência dos confrontos. Há ainda registo de três pessoas feridas, que receberam assistência médica.

De acordo com o departamento de Segurança do governo do País Basco, a Ertzaintza realizou várias cargas contra elementos radicais do Spartak Moscovo.

Através das redes sociais, várias pessoas têm publicado vídeos e fotos de autênticas batalhas campais nas ruas de Bilbau.