A primeira noite de festividades em Pamplona, Espanha, ficou marcada pela detenção de cinco suspeitos de abuso sexual. As detenções tiveram lugar na quarta-feira de madrugada, segundo informou o presidente da câmara, Joseba Asiron, à agência espanhola Efe. 

O autarca pediu aos cidadãos adotassem uma "postura ativa" contra os "ataques sexuais" e juntou-se à concentração silenciosa que decorreu na quinta-feira, no centro da cidade, em protesto por este caso de alegada violação nas festas de San Fermin. 

As festas de San Fermin começaram na quarta-feira e decorrem até dia 14 de julho.