Um homem, com uma faca espetada nas costas, entrou tranquilamente ao telefone num restaurante McDonalds, na Jamaica.

Sob o olhar incrédulo do pessoal e dos clientes, o menos stressado parecia ser mesmo a vítima do esfaqueamento que falava ao telefone, aparentemente com algum familiar, a contar-lhe que talvez fosse a última vez que conversavam porque tinha sido esfaqueado.

Uma testemunha relatou à CBS que «as pessoas começaram todas a gritar» quando viram o «homem com a faca de cozinha espetada nas costas».





Se ele ligou a um familiar, alguém ligou para o número de emergência e tentaram que o homem se mantivesse consciente até à chegada dos paramédicos.

A polícia informa que o homem está em estado crítico num hospital da Jamaica, mas não adianta se já são conhecidas as causas do crime.