Um secretário de Estado do partido liberal-democrata britânico demitiu-se esta terça-feira do governo de David Cameron, a seis meses das eleições, com críticas aos colegas conservadores por não trabalharem com os liberais-democratas como aliados.

Norman Baker, secretário de Estado para a prevenção da criminalidade, anunciou a sua demissão numa carta enviada na segunda-feira ao líder do partido, o vice-primeiro-ministro Nick Clegg.

Numa entrevista ao jornal The Independent, Baker disse que trabalhar com a ministra do Interior, a conservadora Theresa May, e os assessores dela, era como “caminhar pela lama”.