O Parlamento da Croácia investiu, esta sexta-feira, o Governo conservador liderado pelo primeiro-ministro Tihomir Oreskovic.

De acordo com a Lusa, o novo chefe do Governo é um independente perito em finanças públicas que anunciou "decisões difíceis" para recuperar a economia da ex-república jugoslava, confrontada com uma crise migratória.

Entre os 151 eleitos da Assembleia Nacional croata, 83 votaram a favor do Governo, que será dirigido por Oreskovic, um estreante na política que tem dupla nacionalidade croata e canadiana.