Um estudo realizado pelo World Cancer Research Fund (WCRF), em Inglaterra, concluiu que cortar nos alimentos que contém mais sal, tais como: batatas fritas, bacon, cereais, salgados, etc, pode reduzir o risco de desenvolver cancro do estômago, informou, esta segunda-feira, o site «BBC News».

Além do cancro do estômago, o sal é responsável pelo aumento da tensão arterial, bem como pelo aparecimento de diversas doenças cardíacas e AVC¿s [Acidente Vascular Cerebral].

O limite diário recomendado é 6 gramas, ou seja, cerca de uma colher chá,uma vez que os alimentos já contém sal.

«O cancro do estômago é um tipo de cancro difícil de tratar, uma vez que, na maioria dos casos, não são detetados a tempo», explicou Kate Mendoza, chefe de informação e saúde no WCRF.

De acordo com a Sociedade Portuguesa de Cardiologia, as doenças cardiovasculares, além de serem um dos principais fatores pela redução da qualidade de vida, são também responsáveis pela maior causa de mortalidade em todo mundo.