Cerca de 22 mil pessoas foram convocadas em Inglaterra para fazerem análises ao sangue depois de terem sido tratadas numa clínica dentária em Nottinghamshire, encerrada por falta de higiene, revelou o Serviço Nacional de Saúde britânico.

As análises destinam-se a despistar possível infeção com HIV e Hepatite B e C dos cerca de 22 mil pacientes que foram observados e tratados pelo dentista Desmond D'Mello, numa clínica no norte de Inglaterra, encerrada em junho por deficiências nas condições clínicas e de higiene.

As autoridades britânicas estão ainda a investigar a morte de uma mulher, em agosto de 2013, pouco depois de ter recebido tratamento naquela clínica.