Em comunicado, a diretora da campanha da Avaaz, Emma Ruby-Sachs, considerou que se fez história: as marchas organizadas no passado fim de semana para pedir uma transição dos combustíveis fósseis para energias limpas, renováveis, não têm precedentes, nas suas palavras.

"Ultrapassaram-se todos os recordes, desde o Bangladesh ao Reino Unido, com 785 mil pessoas a participarem nas manifestações sobre alterações climáticas mais numerosas da história"

decidir o futuro do planeta