A colisão entre dois aviões na Eslováquia, nesta quinta-feira, causou a morte a sete pessoas, quatro tripulantes e três paraquedistas, noticia a agência Associated Press, citando fontes oficiais.
 
A bordo dos dois L-410 seguiam 38 passageiros, a maioria paraquedistas, que iam treinar para um espetáculo aéreo no fim de semana.

Segundo um porta-voz do Ministério da Saúde, morreram sete pessoas e foram resgatadas com vida 31. Cinco tiveram de receber assistência médica no local, mas nenhuma foi hospitalizada. E a tragédia não foi maior porque muitos conseguiram saltar do avião antes do acidente.

De acordo com fonte da investigação, a colisão ocorreu às 07:20 locais, a 1.500 metros de altitude, próximo da localidade de Cerveny Kamen, junto à fronteira com a República Checa.
  
As autoridades não adiantaram mais informações sobre as causas da colisão.