Os primeiros reforços de manutenção de paz chegaram na sexta-feira ao Sudão do Sul, onde os combates entre os rebeldes e as tropas governamentais causaram mais de mil mortos, anunciou um porta-voz da ONU.

Um contingente de 72 polícias do Bangladesh, proveniente da República Democrática do Congo, chegou três dias depois de o Conselho de Segurança das Nações Unidas ter autorizado o envio de seis mil «capacetes azuis» suplementares e meios aéreos para reforçar a missão da ONU no Sudão do Sul (Minuss).

Um novo contingente deverá chegar hoje ao mais jovem país do mundo.