Há cães que conseguem perceber mais de 250 palavras e gestos, contar até cinco e fazer contas simples. Isso mesmo descobriu uma equipa de investigadores, liderada por Stanley Coren, da University of British Columbia, em Vancouver, no Canadá.

«A média dos cães é quase tão brilhante a nível linguístico como uma criança de dois anos. (¿) Significa que conseguem perceber cerca de 165 palavras, símbolos e sinais. Os que estão no top dos 20 por cento mais inteligentes conseguem mesmo perceber qualquer coisa como 250 palavras e gestos, muito semelhante a uma criança de dois anos e meio», explica Stanley Coren, em declarações ao «The Telegraph».

«Claro que não seremos capazes de nos sentarmos e mantermos uma conversa com um cão, mas tal como uma criança de dois anos, os cães mostraram serem capazes de perceber palavras e gestos», acrescenta o investigador.

Os cientistas usaram com os cães os mesmos testes originalmente criados para demonstrar o desenvolvimento da linguagem, pré-linguagem e aritmética básica nas crianças. Concluíram assim que a média dos cães é mais inteligente do que se pensa.

Os investigadores conseguiram mesmo estabelecer uma lista das raças de cães mais inteligentes e dos menos capazes de aprender. Concluíram que os Border Collie, os Poodle, os Pastores Alemães, os Golden Retriever e os Labradores estão na lista dos cães mais inteligentes. Os Bulldog, os Chow Chow e os Basset Hound estão entre os menos «brilhantes».

Stanley Coren apresentou os resultados da investigação no Sábado, na Convenção Anual da American Psychological Association.