Seis homens foram mortos a tiro e um ficou ferido após três diferentes ataques perpetrados na noite de quarta-feira em Parelheiros, distrito da periferia da zona sul da cidade brasileira de São Paulo.

Na mesma região, um polícia militar foi morto na manhã do mesmo dia, segundo a imprensa local.

Por volta das 21:00 (01:00 desta quinta-feira em Lisboa), três homens entre 21 e 26 anos foram baleados na rua Fonte Nova. Um deles morreu no local e um segundo, no hospital. A terceira vítima foi submetida a uma cirurgia e sobreviveu.

Meia hora depois, tiros disparados de dentro de um carro mataram dois amigos que conversavam na rua, no bairro Vila Roschel.

Próximo ao local, os ocupantes do mesmo veículo atiraram contra outras duas pessoas, pai e filho, que saíam de casa e morreram no local, segundo a Folha de São Paulo.

Os suspeitos ainda não foram identificados. A Polícia Civil investiga se os casos estão relacionados com a morte do polícia.

São Paulo registou 1.130 casos de homicídios em 2014, menos do que os 1.161 do ano anterior.