Um engenho explosivo rebentou na manhã desta quinta-feira e matou quatro crianças que participavam num casamento no Afeganistão, revelaram as autoridades locais, que acusam os talibãs do ataque.

As crianças, com idades entre os sete e os 12 anos, morreram quando o engenho artesanal rebentou quando estas iam buscar água a um rio durante as celebrações do casamento na província de Helmand, no sul do país.

Omar Zwak, porta-voz da administração da província disse, em declarações à agência AFP que os talibãs deverão ter colocado o engenho na zona para atacar funcionários públicos que participavam na cerimónia, mas acabaram por matar crianças inocentes.