Um atentado que vitimou 14 pessoas e feriu outras 39, esta terça-feira, na cidade de Maiduguri, na Nigéria, foi perpetrado por cinco raparigas. Este é o segundo ataque deste tipo em menos de duas semanas.

De acordo com as autoridades, o ataque teve lugar numa mesquita, enquanto as pessoas aguardavam pelas últimas preces do dia, quando as cinco bombistas suicidas entraram no recinto.

A polícia afirmou que os números oficiais apontam para que 14 pessoas tenham morrido no atentado e 39 tenham ficado feridas, mas é possível que este número suba nas próximas horas.

Testemunhas que estavam no local afirmaram que algumas raparigas tinham cerca de nove anos de idade.

Mais de 100 pessoas morreram num atentado semelhante na cidade, apenas há duas semanas.

 Maiduguri é uma das cidades onde o Boko Haram se sediou, há seis anos. Desde essa altura, mais de 17.000 pessoas perderam a vida devido aos ataques do grupo extremista.

O grupo raptou mais de 200 meninas, em abril de 2014, de uma escola na cidade de Chibok, que ainda não foram encontradas.