Um cão foi abandonado, durante o fim de semana, numa casa de banho de um aeroporto em Las Vegas. Embora pareça um ato de crueldade, este animal, de três meses, foi deixado no local por um motivo muito triste.

O animal arraçado de Chihuahua foi encontrado no Aeroporto Internacional McCarran, pelos funcionários. Agarrado a ele estava um bilhete com o porquê do dono o ter deixado ali.

No papel foi escrita uma mensagem como se fosse o próprio cão a falar e onde era referido que a dona do animal sofria de violência doméstica. O cão também foi, segundo o testemunho da dona, pontapeado pelo ex-namorado quando discutiram, tendo ficado ferido na cabeça.

 Olá! Eu sou o Chewy. A minha dona estava num relacionamento abusivo e não podia permitir que eu entrasse no voo. Ela não me queria deixar com todo o coração, mas não teve outra opção. O meu ex-namorado pontapeou o meu cão quando discutimos e ele tem um nó na cabeça. Provavelmente precisa de um veterinário. Eu amo muito o Chewy. Por favor, ama-o e cuida dele”.  

Christine Crews, porta-voz do aeroporto, explicou ao jornal The Washington Post que o animal foi encontrado por funcionários e que, depois,foi entregue a um grupo de resgate de animais, o Connor e Miliie’s Dog Rescue.

Assim que resgatou o animal, o grupo tornou a história pública para tentar encontrar a dona do cão. Darlene Blair, da equipa de resgate, disse que queria que a dona soubesse “que ele estava seguro”.  

Até agora, a dona do pequeno Chewy, de três quilogramas, ainda não apareceu. 

O abrigo já recebeu inúmeras mensagens de potenciais adotantes, a prometerem que o cão terá uma nova casa e nova uma família. O animal de companhia está ainda a ser tratado pelos veterinários, pelo que ainda não está pronto para adoção.