Uma mulher de 46 anos está desaparecida desde domingo, na zona de Queensland, a Austrália, após ter sido aparentemente atacada por um crocodilo.

As informações sobre o que aconteceu a esta mulher baseiam-se no testemunho da amiga que estava com ela. Esta mulher deu o alerta e contou que as duas entraram na água já depois das 22:00. Ela só ouviu a amiga gritar e desaparecer na água. Esta mulher, de 47 anos, está internada em estado de choque e com escoriações leves.

As duas mulheres terão ignorado ou não repararam nos avisos que se encontram espalhados naquela região, alertando para a presença de crocodilos na praia. Aliás, este não é o primeiro acidente com os répteis nesta zona balnear. Em 2009, um menino de cinco anos foi ali atacado por um crocodilo.

Apesar da consternação, um representante político local não deixou de culpar as mulheres pelo sucedido, ao entrarem na água durante a noite. "Não se consegue legislar contra a estupidez humana”, disse Warren Enstch, de acordo com a Sky.