O rebentamento de duas bombas num tribunal do Paquistão fez, esta sexta-feira, pelo menos 12 mortos e 52 feridos na cidade de Mardan, de acordo com a Reuters. Entre as vítimas estão advogados, polícias e civis. 

Dia que começou sangrento neste país, já que perto de Peshawar, um ataque a um bairro perto de Peshawar. Eram 05:00 quando um grupo de homens, com coletes explosivos e armas de fogo, entrou no bairro da minoria cristã.

Os atacantes lançaram duas granadas contra uma igreja e começaram uma troca de tiros com as forças de segurança, que durou mais de uma hora. Houve “vários mortos”, apurou a Reuters.

Esta ataque foi reivindicado pelos talibãs.