Três crianças morreram na sequência da explosão de um projétil de canhão no município de Gonguembo, na província angolana de Cuanza Norte, incidente que provocou ainda ferimentos graves a outros dois menores.

A situação, ocorrido ao final da tarde de sábado naquela província do norte de Angola, foi confirmada hoje pelo comandante provincial do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros.

«Cinco crianças estavam a brincar com um projétil de canhão B10, acenderam fogo e rebentou. Três morreram e outras duas foram transportadas para o hospital com vários ferimentos», disse à agência Lusa o comandante João Cassua, da proteção civil de Cuanza Norte.