Um vídeo divulgado esta quarta-feira mostra um avião da companhia aérea Air Canada quase a colidir numa pista com outros aparelhos, no Aeoroporto de São Francisco, no ano passado.

O piloto que comandava o Airbus A320 confundiu as pistas, mas o controlo de tráfego aéreo ainda conseguiu evitar o pior.

O avião mudou de trajetória e evitou o que poderia ter sido um dos maiores acidentes de aviação de sempre.

Na pista estavam quatro aviões com passageiros e combustível, à espera de permissão para descolar. 

No vídeo, aos 67 segundos, é visível a mudança de rota do avião no canto superior do ecrã.

De acordo com o Conselho Nacional de Segurança nos Tranportes norte-americano, a tripulação teve de subir a potência total dos motores da aeronave para conseguir não aterrar naquele local.

Um dos aviões que estava na pista chegou até a acender as luzes de descolagem para que o Airbus A320 o visse. 

A investigação revelou que a tripulação dos outros aviões entrou em contacto com o controlo de tráfego aéreo de maneira a evitar o incidente. 

O voo AC759 da companhia Air Canada, que vinha de Toronto com destino a São Francisco, acabou por aterrar sem incidentes.