Poder-se-á dizer que «o vestido», que há dias se tornou viral na Internet, ganhou uma nova vida.
A polémica sobre o vestido - azul e preto para uns, branco e dourado para outros – não terminou quando o mistério foi desvendado. Azul e preto, ponto? Não. Um novo ou novos capítulos se abriram.

Para além de uma campanha de solidariedade que é lançada esta sexta-feira no ebay, com uma versão branca e dourada do vestido, cujos lucros vão reverter a favor da Operação Nariz Vermelho, na África do Sul, o vestido foi usado para ilustrar uma campanha contra a violência doméstica e abuso. O cartaz mostra uma mulher agredida que veste a indumentária branca e dourada, acompanhada do slogan: «É tão difícil ver preto e azul?». A mensagem incita a população a denunciar os casos de violência, já que uma em cada seis mulheres sul-africanas é vítima deste tipo de crime. Esta campanha é promovida pelo Exército da Salvação.