Os talibãs anunciaram esta quarta-feira que vão lançar «ofensiva da primavera» com ataques em todo o Afeganistão, na próxima sexta-feira, dia 24, numa altura em que as forças da NATO se estão a retirar da linha da frente.

Os principais alvos da ofensiva anual vão ser «os invasores estrangeiros, sobretudo as suas bases militares permanentes», mas também elementos “do regime fantoche, e os seus satélites militares, em especial os serviços secretos, e funcionários dos ministérios do Interior e da Defesa”, disse o movimento talibã afegã em comunicado.

A NATO anunciou, em dezembro, o fim da sua missão de combate no Afeganistão (ISAF), substituída desde janeiro pela operação Apoio Decidido, com cerca de 4.000 soldados envolvidos em missões de assistência e recrutamento dos corpos de segurança afegãos.