Ataques aéreos provocaram a morte de pelo menos 32 rebeldes nas zonas tribais do noroeste do Paquistão, perto da fronteira afegã, anunciaram esta quarta-feira responsáveis da segurança.

«Bastiões de rebeldes foram alvo de ataques aéreos esta manhã no Wazaristão do Norte», disse um alto responsável da segurança à AFP.

«Há relato de 32 terroristas mortos nos ataques, incluindo comandantes importantes», acrescentou.