«Graças ao extraordinário sacrifício dos nossos homens e mulheres fardados, a nossa missão de combate terminou e a mais longa guerra da história dos Estados-Unidos acaba de maneira responsável», declarou o Presidente Obama num comunicado.








«Os últimos 13 anos colocaram o nosso país e as nossas forças armadas à prova. Mas comparando os 180.000 soldados americanos que estavam no Iraque e no Afeganistão quando assumi funções, temos atualmente menos de 15.000 soldados neste país», referiu o presidente Obama.