Uma mulher de 23 anos foi detida pelos Serviços Secretos dos Estados Unidos depois de ter sido detetada a caminhar com uma arma de fogo nas imediações da Casa Branca, revelaram as autoridades.

Agentes dos Serviços Secretos vestidos informalmente identificaram a mulher, que transportava um coldre para armas enquanto passeava na Avenida da Pensilvânia, onde está localizada a residência presidencial, e detiveram-na depois de tinha na sua posse uma pistola de guerra (9 milímetros) não registada.

A mulher, que as autoridades identificaram como April Lenhart, estava acompanhada de um homem que foi interrogado, mas não detido.

Segundo as autoridades, a jovem não cooperou durante o interrogatório posterior e não estão claros quais eram seus os objetivos.

Quando foi identificada, o Presidente Barack Obama estava na Casa Branca depois de anunciar em direto ao país as novas medidas destinadas aos imigrantes clandestinos enquanto centenas de pessoas estavam nas imediações numa vigília pelos estudantes desaparecidos no México.

Os Serviços Secretos, encarregues da segurança da família presidencial, atravessam um período conturbado depois de vários episódios em que a segurança da Casa Branca terá falhado permitindo a entrada de estranhos no recinto.