A equipa da Polícia Marítima (PM) em missão na Grécia resgatou este domingo 32 migrantes que faziam a travessia entre a Turquia e a ilha grega de Lesbos numa embarcação sem motor, divulgou a Autoridade Marítima Nacional (AMN).

De acordo com um comunicado, a operação - realizada no mar Egeu – inseriu-se na missão "Poseidon Sea 2015", na qual a equipa da PM está integrada desde 1 de outubro deste ano.

Na operação, segundo a mesma fonte, a PM portuguesa também deu apoio a uma apoia mulher em hipotermia, depois de ter resgatado os 32 migrantes, deixados à deriva por facilitadores.

A equipa portuguesa está no mar Egeu, na Grécia, no âmbito de uma operação da Agência Europeia da Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas dos Estados-Membros da União Europeia (Frontex), denominada “Poseidon Sea 2015”.

O objetivo desta missão é cooperar no controlo e vigilância das fronteiras marítimas gregas e no combate ao crime transfronteiriço.

A missão da PM no mar Egeu termina a 30 de setembro de 2016.