Uma equipa de resgate detetou este domingo sinais das caixas negras do avião da AirAsia que se despenhou a 28 de dezembro no Mar de Java, na Indonésia, com 162 pessoas a bordo, um dia depois de ter sido recuperada a cauda do aparelho.

Os sinais foram detetados a cerca de 30 metros de profundidade e num raio de quatro quilómetros onde caiu o avião, revelou o canal indonésio «Metro TV».

«Três barcos informaram ter detetado sinais semelhantes na mesma zona», declarou Ridwan Jamaluddin, porta-voz da equipa de buscas num contacto telefónico com a televisão local ao salientar também ter sido confirmado eletronicamente tratar-se do sinal das caixas negras.