Um homem armado fez, esta sexta-feira, três reféns num lar de veteranos na Califórnia, avança a AP que cita fonte do departamento de polícia de Napa. A área em redor do lar, em Yountville, foi isolada.

De acordo com a polícia, o alerta foi dado pelos residentes cerca das 10:30, hora local, e a polícia pede à população que evite aquela zona.

Segundo relatos, um homem com um colete e armado com uma arma automática entrou no lar onde vivem, pelo menos, mil veteranos da II Guerra Mundial, da Guerra da Coreia, da Guerra do Vietname, entre outras. 

A polícia revelou à AP que sabe quem é o homem que invadiu o lar, mas não sabe porque motivo o fez. 

Este lar abriu em 1984 e é o maior de veteranos nos Estados Unidos, com cerca de 1.000 residentes idosos e com deficiências. Nele vivem veteranos da Segunda Guerra Mundial, das guerras da Coreia e do Vietname, entre outros.