A economia norte-americana deve recuperar este ano, sustentada pela procura doméstica e por um significativo aumento do investimento, segundo o Economic Outlook da OCDE, divulgado esta terça-feira.

O documento da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) prevê que o Produto Interno Bruto (PIB) norte-americano cresça 2,6% este ano e 3,5% em 2015.

Segundo o Economic Outlook, o aumento do consumo privado e do investimento interno nos Estados Unidos deverão ser sustentados pelas contínuas melhorias do mercado de trabalho, entre outros fatores.

Para a taxa de desemprego, as previsões da OCDE apontam para que esta seja de 6,5% este ano, descendo para 6% em 2015.

Em relação à política monetária da Reserva Federal (Fed), o relatório da OCDE refere que esta se mantém muito expansionista com o afrouxamento a permanecer no mercado laboral e com uma baixa taxa de inflação.

Apesar de apoiar a continuação da retirada dos estímulos da Fed à economia ao longo de 2014, a OCDE defende que é apropriado que as taxas de juro se mantenham baixas por algum tempo, mas indica que estas deverão começar a subir a partir de meados de 2015.