O Fundo Monetário Internacional (FMI) vai regressar a Madrid no próximo dia 21 de maio para iniciar as negociações com o Governo espanhol e os representantes do setor privado, com vista à terceira avaliação independente da reforma do setor bancário.

Em comunicado, a porta-voz do Fundo, Ángela Gaviria, explica que o relatório que esta avaliação deverá produzir faz parte da assistência técnica do FMI, acordada com as autoridades espanholas e os parceiros europeus em julho de 2012.

«A missão espera publicar as conclusões preliminares a 3 de junho. O relatório final será enviado ao Governo espanhol e à Comissão europeia no final do mesmo mês», refere.

Uma equipa do FMI também vai visitar Espanha a partir de 3 de junho para fazer a avaliação anual da economia espanhola (chamado Artigo IV). O relatório final dessa avaliação, que resumirá as conclusões preliminares dos desenvolvimentos económicos e refletirá as discussões com o Governo, o setor privado e os representantes da sociedade civil, deverá ser publicado a 18 de junho».

Depois, a equipa produzirá um relatório para discussão da Comissão Executiva do Fundo no final do verão.