O presidente executivo da Oi afirmou esta quinta-feira estar «satisfeito com o resultado da votação» da assembleia-geral de acionistas da PT SGPS que aprovou a venda da PT Portugal à Altice, considerando ser «o melhor para as duas empresas».

Os acionistas aprovaram hoje com 97,81% dos votos a venda da PT Portugal, que tem o Meo e o Sapo, entre outros serviços, aos franceses da Altice, que já detêm no mercado português a Cabovisão e a Oni.

À saída da votação, o presidente executivo da Oi, Bayard De Gontijo, disse estar «satisfeito com o resultado da votação», já que «os acionistas decidiram [com] 97% de aprovação» a venda da PT Portugal.

«É o melhor para as duas empresas, é o melhor para a PT Portugal, que vai continuar a prestar serviço de excelência em Portugal, e [para] a Oi para reduzir alavancagem», concluiu o gestor brasileiro, escusando-se a fazer mais comentários.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Grupo PT (STPT), Jorge Félix, disse hoje que vai analisar a possibilidade de impugnar a decisão desta assembleia-geral de acionistas da PT SGPS.