O imposto sobre os combustíveis tem vindo a encarecer o abastecimento do carro desde fevereiro, altura em que foi aumentado pelo Governo em seis cêntimos por litro, ainda antes de o Orçamento do Estado entrar em vigor. A primeira revisão trimestral do ISP acontecerá esta quinta-feira. Podemos já antecipar que haverá uma descida até três cêntimos.

É que o Governo prometeu baixar um cêntimo por litro por cada subida de cerca de quatro cêntimos no trimestre. Contas feitas, se a gasolina subiu 11 cêntimos nestes três meses e o gasóleo 13 cêntimos, a descida a anunciar pelo ministro das Finanças será entre dois a três cêntimos.

O próprio primeiro-ministro disse ontem, numa entrevista à SIC, que deixava as "boas notícias", a este propósito, para o ministro das Finanças. No entanto, afinal não será Mário Centeno a protagonizar a conferência de imprensa sobre a revisão do ISP, porque se encontra em Frankfurt. 

O gasóleo e gasolina desceram de preço logo no arranque desta semana: um cêntimo no gasóleo e dois na gasolina, em média.

Daí que nos próximos dias os condutores possam esperar um alívio já mais considerável, com a revisão do IPS. Grão a grão enche a galinha o papo. 

No site da Direção Geral de Energia e Geologia, os consumidores podem ter acesso a que postos de abastecimento têm o gasóleo e a gasolina mais baratos.