O ministro da Economia, António Pires de Lima, defende para Portugal um modelo de desenvolvimento industrial assente na inovação, em vez de modelos assentes em «competitividade de custos, em alguns casos com recurso a baixos salários».

«É seguramente o modelo que prefiro referenciar como exemplo, numa altura em que se continuam a discutir, e muitas vezes a apontar, modelos que procuram situar os países da Europa do sul como centros de competitividade de custos, em alguns casos com recursos a salários baixos», afirmou Pires de Lima na Trofa, durante uma visita à farmacêutica Bial.

«Numa altura em que nos confrontamos com a discussão do modelo de desenvolvimento industrial que queremos para Portugal, é especialmente caro ao Ministério da Economia e ao Governo português que o tema da inovação e do desenvolvimento seja um tema atual e prioritário nesta agenda», acrescentou.