“O Estado já para este ano de 2015 reservou um montante de até 35 milhões de euros de apoio social para todo o país, em que não só os que moram nas áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto, como até aqui, mas todos vão poder ter descontos nos transportes, em função do rendimento do agregado familiar”, disse o governante.