O presidente do Espírito Santo Investment Bank Brasil, Ricardo Abecassis Espírito Santo Silva, afirma estar disponível para suceder a Ricardo Salgado na presidência do Banco Espírito Santo (BES), caso os acionistas o apoiem para o cargo.

«Estou sempre disponível aos desafios que se me apresentem, se os acionistas assim o quiserem», afirmou hoje à Lusa, durante um seminário em São Paulo, no Brasil, quando questionado sobre uma eventual escolha para suceder a Ricardo Salgado.

Espírito Santo Silva disse que a sucessão «é um processo que se conversa internamente no grupo, mas não há pressão e nem data» para ocorrer.

Após terem sido tornadas públicas tensões entre Ricardo Salgado e o presidente do BES Investimento, José Maria Ricciardi, no ano passado, o nome de Ricardo Abecassis Espírito Santo Silva tem sido apontado como uma opção para a presidência do banco.

Ricardo Abecassis Espírito Santo Silva participou hoje no seminário 'Oportunidade em Portugal: Golden Visa e o regime do residente fiscal não habitual', organizado por dois escritórios de advogados em São Paulo, no qual falou sobre a economia portuguesa.

De acordo com o responsável, a economia do país está a recuperar e a dar sinais de confiança aos investidores estrangeiros.

Ricardo Espírito Santo Silva realçou a diminuição da dependência de Portugal em relação à troika (Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu) e o bom momento das exportações, que têm vindo a diversificarem-se para países africanos e China.