Os conglomerados japoneses Marubeni e Innovation Network Corp. of Japan (INCJ) compraram a empresa de águas Administração e Gestão de Sistemas de Salubridade (AGS), uma subsidiária da Somague Ambiente, segundo a agência Bloomberg.

De acordo com a mesma fonte, que cita a estação televisiva japonesa NHK, a Marubeni e a INCJ ficarão com 50% da AGS cada uma, com o valor da aquisição a atingir 10 mil milhões de ienes (cerca de 72 milhões de euros).

A AGS - Administração e Gestão de Sistemas de Salubridade é a empresa da Somague Ambiente vocacionada para a gestão e operação de sistemas de água e de águas residuais em regime de concessão, Parcerias Público-Privadas ou prestação de serviços.

A Somague, por sua vez, foi integrada no grupo espanhol Sacyr em janeiro de 2005.

A AGS detém participações em 11 concessões de água, três empresas municipais, duas concessionárias no Estado de São Paulo (Brasil), um Agrupamento Complementar de Empresas (Ambiporto) e um laboratório em Trás-os-Montes (LRTM).

A empresa, presidida por José Vaz Guedes foi fundada em 1988, desenvolve atividade em Portugal, Angola e Brasil.