A agência de notação financeira Fitch anunciou hoje a descida da classificação rating de longo prazo da Caixa Económica Montepio Geral.

Na nota enviada às redações pela Fitch, a agência refere que a descida reflete a falta de capacidade da instituição financeira para dar a volta ao fraco resultado do negócio da atividade principal do banco.

De acordo com a casa de rating, a baixa da notação, de 'B+' para 'B', tem ainda em conta as preocupações relativas à necessidade de um reforço de capital por parte da  Associação Mutualista Montepio Geral, que detém a caixa económica - apesar da injeção de capital em Março de 2016. Necessidades fundamentais para travar os prejuízos verificados desde 2013.

A agência diz que o Montepio "falhou os objetivos financeiros e está fortemente afetado pelos desafios da envolvente da sua atividade operacional". Além disso, o risco de mercado também está elevado, devido à exposição ao custo de execução na venda de imóveis e aos investimentos em terrenos.

A nota da Fitch surge depois do Caixa Económica Montepio Geral ter apresentado prejuízos de 19,8 milhões de euros no trimestre contra lucros de 9,8 milhões no homólogo.