A Bolsa de Lisboa negoceia em baixa, pressionada pelas quedas do sector financeiro e também do peso-pesado EDP, acompanhando o cenário negativo na Europa, depois da produção industrial chinesa ter tido em Novembro a primeira queda em seis meses, nota a Reuters.

O índice PSI20 cai 0,45%, com 13 dos atuais 18 em terreno negativo.

A pressionar a bolsa nacional estão as quedas dos bancos portugueses, com o Banif a descer 1,47%, o Millennium bcp a perder 3% e o BPI a cair 3,33%, em sintonia com os pares europeus.

O índice sectorial DJ Stoxx recua 1,11 pct.

A pesar estão também a desvalorização de 1% da EDP-Energias de Portugal e a queda de 0,16% da Jerónimo Martins.

A impedir maiores descidas está a Galp Energia, com uma subida de 0,7% para 10,87 euros, a recuperar do tombo de 3% que deu ontem.

A Portugal Telcom segue estável nos 1,436 euros.

Os principais mercados acionistas europeus seguem com descidas de até 1,13 pct em Milão com os investidores à espera de um conjunto importante de dados macroeconómicos nos dois lados do Atlântico.