A PT SGPS está a liderar os ganhos na bolsa de Lisboa, ao trepar 18,9% para os 76 cêntimos por ação. Mas a cotada já esteve a ganhar mais de 20%, quando faltam poucas horas para a assembleia geral de acionistas que vai votar a venda da PT Portugal aos franceses da Altice.

Recorde-se que ainda esta semana, após sucessivas perdas, os títulos da PT bateram no fundo e chegaram a valer um mínimo histórico de 58 cêntimos.

O PSI-20 avança 0,83% nos 5.194,14 pontos, também suportado pelo setor da banca.

O BPI avança 2,4%, com cada ação a valer 95 cêntimos. Já o peso pesado BCP soma 1,1%, nos sete cêntimos por ação.

Também a Galp aprecia 1,4%, para os 9,40 euros, numa altura em que o preço do petróleo já sobe nos mercados internacionais. O barril de Brent, de referência para a Europa, está a cotar a 50,13 dólares.

Destaque ainda para os mercados europeus, que aguardam pelos resultados da reunião do Banco Central Europeu que poderá esta quinta-feira, a partir das 13:30 (hora de Lisboa) anunciar o programa de compra de dívida soberana.

Esta quarta-feira fontes citadas pelo Bloomberg adiantavam que o BCE propõe investir 50 mil milhões de euros por mês na compra de dívida pública, uma flexibilização deverá manter-se até ao final de 2016.
Milão sobe 1,1%, Madrid avança 0,5%, Londres ganha 0,4% e Frankfurt cai 0,2%.