O preço do petróleo segue em alta esta manhã, tendo já ultrapassado os 110 dólares por barril, devido aos confrontos no Egito, que suscitam receios de perturbações nos fornecimentos de ouro negro.

No Brent, que serve de referência para a Europa, o preço do contrato para entrega em Setembro, que expira hoje, está em alta de 0,55% para 110,81 dólares. Do mesmo modo, também o preço do crude negociado no NYMEX, nos EUA, avança 0,56% para 107,45 dólares.

O Egito declarou estado de emergência devido aos violentos confrontos entre os apoiantes do presidente deposto, Mohamed Morsi e a polícia. A agitação social no país, que controla o canal do Suez, está a criar receios de que o abastecimento de petróleo a partir do Médio Oriente, região responsável por 35% da produção mundial, seja ameaçada.