[Notícia atualizada às 19h56]

O grupo mexicano Ángeles confirmou esta terça-feira que deixou cair a Oferta Pública de Aquisição (OPA) que tinha lançado sobre a Espírito Santo Saúde (ESS).

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Ángeles adianta que decidiu «revogar a oferta pública geral e voluntária de aquisição de ações representativas do capital social da Espírito Santo Saúde, SGPS, S.A. anunciada preliminarmente no dia 19 de agosto de 2014 e lançada no dia 19 de setembro de 2014».

O grupo mexicano explica que a retirada da oferta «tem como fundamentos o lançamento pela Fidelidade – Companhia de Seguros, S.A. no dia 26 de setembro de 2014 de uma oferta concorrente a um preço de 4,82 euros por ação e a decisão tomada hoje» pela Ángeles de não rever a contrapartida da sua oferta.

O grupo agradece a «todos os envolvidos na oferta» e às autoridades portuguesas, em particular, o Ministério da Saúde, o Ministério das Finanças e CMVM «pelo profissionalismo e empenho demonstrado e ainda aos membros do Conselho de Administração da Espírito Santo Saúde pela análise imparcial e profissional que fizeram dos termos e condições da oferta».

A Ángeles tinha apresentado uma contrapartida de 4,50 euros por ação, que foi considerada «aceitável» pela administração da ESS na semana passada. Contudo, este valor foi, entretanto, superado pela oferta concorrente da seguradora Fidelidade (4,82 euros), lembra a Lusa.