As taxas dos juros da dívida seguem a descer em todos os prazos, depois de a Alemanha ter demonstrado confiança relativamente a uma saída «à irlandesa» do programa de assistência financeira da troika.

Banco de Portugal melhora previsões para a economia nacional

Na maturidade 5 anos, a taxa desceu abaixo dos 3% (2,997%), em mínimos de dezembro de 2009. Segue agora nos 3,014%.

Na maturidade a 10 anos as taxas estão agora a subir, nos 4,128%, depois de terem atingido um mínimo desde março de 2010.

Também esta quarta-feira a notícia, já esperada, de que A 11ª avaliação da troika ao programa de ajustamento de Portugal cumpre os requisitos para ser aprovada, o que vai permitir o desembolso da próxima tranche de 2,5 mil milhões de euros, refere unma carta do presidente do Eurogrupo.

A cerca de dois meses do final do programa de ajustamento, o Governo remete para mais tarde uma decisão sobre o plano para o pós-troika.