A agência de notação financeira Fitch informou hoje em comunicado ter reduzido a perspetiva da Rússia de estável para negativa.

«A revisão da perspetiva para negativa reflete o potencial

impacto das sanções sobre a economia e ambiente de negócios da Rússia», disse a Fitch em comunicado.

«Uma vez que os bancos e os investidores norte-americanos e da UE podem ficar relutantes em emprestar à Rússia nas atuais circunstâncias, a economia pode desacelerar ainda mais e o setor privado pode exigir apoio oficial», acrescentou.

Na noite de quinta-feira, a agência de rating Standard & Poor¿s já tinha revisto em baixa a perspetiva da Rússia, igualmente de estável para negativa, devido aos riscos associados às sanções internacionais contra Moscovo depois da anexação da Crimeia.