O índice geral da bolsa de Xangai, o Shanghai Composite Index, encerrou a sessão desta quinta-feira e a ganhar 5,8%, após novas medidas anunciadas pelo governo para impulsionar o mercado.

Esta quarta-feira a Bolsa de Xangai caiu quase 6% e já acumulou perdas de 30% em apenas um mês. O regulador do mercado alerta para um sentimento de pânico junto dos investidores, depois das medidas governamentais para travar a febre bolsista.

Este gráfico mostra a queda do índice chinês nos últimos cinco dias.



A partir quarta-feira, por exemplo, os acionistas com mais de 5% do capital de empresas cotadas em bolsa ficam proibidos de vender ou alienar ações durante seis meses.

A segunda praça financeira chinesa, em Shenzhen, encerrou a sessão desta quinta-feira com ganhos. O Shenzhen Composite Index fechou as transações a valorizar 3,76%, ou 70.90 pontos, para 1,955.35 pontos.