A Bolsa de Nova Iorque suspendeu todas as operações devido a uma falha técnica, segundo a Bloomberg.

A bolsa arrancou a sessão com normalidade, com os principais índices a descerem cerca de 1%. No entanto, cerca de uma hora e meia depois, as negociações pararam por questões técnicas.

As ações continuam a negociar noutros mercados dos EUA, como o Nasdaq, mas o incidente provocou uma forte queda das cotações, o que levou à suspensão das ordens de compra e venda em Nova Iorque.

“Estamos a ter algumas falhas técnicas, mas estamos a trabalhar para as resolver o mais rápido possível (…) estamos a dar o nosso melhor para chegarmos a uma resolução rápida e assegurar a reabertura do mercado de forma oportuna e ordenada”, disse fonte do mercado.


O Departamento de Segurança Interna assegurou à CNN que não há “nenhum indício de atividade maliciosa” na bolsa, nem há ligação com o que aconteceu na United Airlines.

Esta manhã, o sistema de computadores da companhia aérea falhou e fez com que todos os aviões ficassem em terra, em todos os aeroportos dos Estados Unidos.

No entanto, o site do Wall Street Journal também não está a funcionar. O site foi abaixo mais ou menos ao mesmo tempo que a bolsa de Nova Iorque.