Os bancos de investimento BES,BCP e JPMorgan, iniciaram esta quarta-feira a cobertura dos Correios de Portugal, elogiando a eficiência nos custos e o elevado dividendo. Nas notas de research, a que o Jornal de Negócios teve acesso, todos recomendam comprar ações dos CTT, com preços-alvo que apontam para uma média de 7,12 euros.

O JPMorgan, banco que liderou a colocação dos CTT em bolsa, é o mais otimistam, atribuindo um preço-alvo de 7,40 euros.A casa atribui uma recomendação de «overweight», o que indica que, nos próximos seis a doze meses, espera que a ação venha a superar o retorno antecipado no universo dos analistas.

O BESI atribui um target de 7 euros, com uma recomendação de «comprar». Já o MillenniumIB, a única entre as três entidades que não participou na operação de colocação em bolsa dos CTT, indica um targetde 6,95 euros. É o preço-alvo mais reduzido mas que, ainda assim, dá margem para uma valorização de 11,7%.