O Alibaba, gigante do comércio eletrónico chinês, elevou na segunda-feira o valor da sua Oferta Pública Inicial, com o que poderá superar os 25 mil milhões de dólares em Wall Street e protagonizar a maior estreia em bolsa da história, escreve a Lusa.

O grupo Alibaba é o maior do mundo em volume bruto de mercadorias transacionadas através de meios eletrónicos.

A empresa comunicou à autoridade bolsista norte-americana (SEC, na sigla em Inglês) a informação de elevar a sua proposta de oferta de títulos para entre 66 e 68 dólares por ação.

A Alibaba tinha inicialmente anunciado, a 05 de setembro, que pretendia introduzir 320,1 milhões de ações a um preço unitário entre 60 a 66 dólares.

O valor poderá chegar aos 368 milhões de ações se os agentes exercerem totalmente a opção de compra oferecida pelo grupo chinês, refere a agência Efe.

A operação é descrita com a maior entrada em bolsa em Nova Iorque. O recorde é detido por outro grupo chinês, o AGBank.